Ao começar a investir em uma ideia e empreender, é importante que você fique atento a alguns detalhes essenciais que ajudarão a impulsionar a sua empresa. Por exemplo, é preciso idealizar alguns pontos para que o negócio nasça de uma forma saudável, a fim de prosseguir com crescimento real e controlado, sem gerar problemas depois. Um desses pontos é a elaboração do plano de negócios.

Acompanhe a leitura e veja por que ele é tão relevante nesse estágio inicial.

O que é o plano de negócios?

O plano de negócios é um documento que, normalmente, é elaborado antes mesmo de a empresa ser inaugurada de forma efetiva. Nele estão informações importantes sobre a condução da organização a fim de certificar que nesse período inicial haverá um crescimento e ordenamento devidamente planejado.

No que consiste esse documento?

Em geral, ele envolve todas as variáveis que compõem a empresa, pois cada uma delas deverá ser planejada. Devem constar informações suficientes, demonstrando a solidez do projeto de negócio, bem como a seriedade dos gestores envolvidos.

Ele é composto de alguns pontos que orientam as ações da sua empresa, tais como:

  • história da empresa ou do produto (caso ele ainda não tenha sido lançado, a história e a motivação da criação do empreendimento);
  • descrição do produto / serviço;
  • como é o mercado no qual o negócio está inserido;
  • quem é a concorrência do seu produto ou serviço;
  • como vai se estabelecer o marketing da organização;
  • quais são os detalhes de manufatura, operações e logística;
  • como se estabelece inicialmente a equipe de gestão e hierarquia do negócio;
  • quais são os principais resultados históricos (se houver) e projeções futuras (com cronogramas sólidos e bem estabelecidos);
  • orçamento detalhado.

Cada um desses detalhes deve ser devidamente explorado e delimitado em sua composição. Lembre-se de que esse documento não é necessariamente interno. Então, ele precisa ser redigido de forma que pessoas dora da empresa consigam entender cada detalhe.

Por que ele é importante para qualquer negócio?

Mas, afinal, qual a importância desse documento para o negócio? O que ela traz de benefício para a organização? São diversos os motivos, entre eles:

  • ajuda a conhecer melhor o seu negócio, devido às informações que devem ser pesquisadas para sua elaboração;
  • auxilia os gestores a encontrarem prazos e soluções reais, dentro do que é de fato possível de ser realizado, sem buscar metas megalomaníacas e inacessíveis;
  • permite elaborar estratégias de negócios mais consistentes;
  • faz com que todos os gestores tenham a mesma visão do negócio, orientados pelo plano;
  • leva a um controle de cumprimento de metas de acordo com os prazos e objetivos estabelecidos no documento;
  • melhora a capacidade de planejamento do empreendedor;
  • prevê situações que podem ocorrer e evitar crises e outros problemas que coloquem em risco o seu negócio;
  • facilita para encontrar brechas que possam comprometer o funcionamento da organização e a resolvê-las o quanto antes, fortalecendo a companhia;
  • serve como argumento para conquistar a atenção de investidores, provando que seu negócio é sólido e bem planejado.

Nesse último caso, o plano de negócios se torna um documento altamente importante para, inclusive, tornar seu negócio viável. Muitas vezes um empreendedor tem a concepção de um negócio interessante, mas não apresenta o capital para torná-lo realidade.

Para isso, a conversa com investidores deve ser altamente produtiva, permitindo que você possa conseguir o apoio deles, inspirando confiança e liderança. E com um planejamento sólido sobre seu negócio isso se tornará mais seguro e certeiro.

Entendeu como o plano de negócios é essencial para a sua empresa? Ficou alguma dúvida? Conte nos comentários!